11.9.09

Quem não tem pecado atire a primeira pedra

(…) um dia ele quis ser pastor.

Com 20 anos, era líder de jovens de uma igreja batista (…). Sempre irreverente com o microfone nas mãos, costumava levar broncas dos superiores religiosos por subverter a liturgia fazendo piadinhas.

Mas a vida santa não durou muito. Uma vez ele pegou carona em uma caravana de fiéis rumo ao um show da Igreja Renascer chamado S.O.S. Vida. Quase no final do evento o bispo Estevam Hernandes pediu aos seus fiéis seguidores que mostrassem faixas com mensagens cristãs. Danilo levantou um banner: “$0$ Vida” (o “O” era um desenho de uma moeda). A provocação tirou Hernandes do sério. “Veeeio, ele falou pra todo mundo jogar pedra e rasgar a minha faixa”, relembra Danilo.

Felizmente ele sobreviveu ao ataque dos religiosos, mas a carreira de pastor terminou ali.

trecho da entrevista de Danilo Gentili à revista Gloss (set/2009).
via Filosofia primeira

num dos papos recentes c/ uma galera, me perguntaram o que eu achava desse tipo de protesto em eventos toscos. preciso responder? :P

11 comentários:

Estrangeira disse...

Lembro-me do Gentilli em uma de suas primeiras reportagens de rua no CQC, após aposentar o "repórter inexperiente". Ele cobriu uma Marcha para Jesus aqui em São Paulo no ano passado (há vídeos do programa no Youtube). O que me chamou a atenção, na época, é que as perguntas que ele fez aos participantes, apesar da ironia, nada tinham de desrespeitosas ao cristianismo. Isso me leva a crer que ele continua cristão, porém talvez seja mais um revoltado com a $ituação atual da igreja, o que no jargão evangeliquês significa "desviado". Provavelmente seria um ótimo blogueiro subversivo cristão (quem sabe ele lê esse post e se entusiasma com a idéia?)

Gustavo K-fé disse...

O exemplo desse irmão (irmão mesmo) me conforta. Esses dias sonhei com um movimento de pessoas que se levantariam em cultos mostrando cartões vermelhos e amarelos a pastores e igrejas.

Hellen Taynan disse...

"(…) um dia ele quis ser pastor."
Mas foi mais fácil se tornar o repórter mais idiota do CQC. Ô "mininu" nojentinho. Afff

Cristina Danuta disse...

Faz alguns anos, em uma aula de Teologia, me foi dito o seguinte:" Chegará o dia, em que os verdadeiros cristão estarão fora da igreja...". Eu acredito que esse dia já chegou, embora, também acredite que ainda há muitos cristão verdadeiros dentro das igrejas, buscando ,de fato, seguir à Cristo. No entanto, vão acabar por sair da mesma para que isso ocorra.

Cerestino disse...

Para Hellen Taynan: CHAMAR O CQC DE IDIOTA FAZ INÚTIL QUALQUER ESFORÇO ATÉ MESMO PARA TENTAR TE ZOAR. VAI VER PÂNICO OU CANTAR HILLSONG!

Para Cristina Danuta: REALMENTE O QUE TE FOI DITO É ALGO QUE ESTÁ ACONTECENDO. NA VERDADE, FALANDO DE IGREJA COMO INSTITUIÇÃO RELIGIOSA, OS CRISTÃOS ESTÃO SÓ INDO PRA ONDE DEVEM PRA FORA. PRA LONGE DESSA BABILONIA TODA. E NA VERDADE NA VERDADE MESMO, MESMO ESTANDO DENTRO DAS QUATRO PAREDES DESSES TEMPLOS, EM TODA HISTÓRIA, OS VERDADEIROS CRISTÃO NUNCA ESTIVERAM NA IGREJA. ELES ERAM A IGREJA.

Anônimo disse...

se eu pudesse enviar minha pdra pela internet eu enviaria

mas como a tecnologia ainda não nos permitisse isso

Anônimo disse...

eu comprendo o gentili,
mas sempre me lembro da pergunta de pedro para Jesus: para onde iremos?

a verdade eh q quem experimenta o amor de Deus, nao acha isso em nenhum lugar.

mas ele nao esta em muitos locais.

Alexandre disse...

Eu estava lá nesse dia..da tal da faixa...e não foi mandado atirar pedra como foi dito coisa nenhuma...eles foram levados do local onde estavam e pelo que sei conversaram naquele mesmo dia com o Ap. Estevam...É importante colocar o conceito da faixa: Na época o ingresso do show custou R$ 12,00, e como é sabido de todos, o porte do show montado gerou um custo, e esse custo obviamente tinha que ser coberto com a venda de ingressos...o sentido da faixa usada pelo grupo na época era de que as pessoas estavam ''pagando'' para serem evangelizadas, mas obviamente que o sentido era e ainda é que aquele show era um atrativo para que as pessoas tenham um encontro com Cristo. Para muitos isso soa estranho, mas não podemos esquecer que hoje em dia as pessoas pagam valores absurdos para entrarem em baladas, para terem um encontro com as drogas, a destruição e a prostituição, e tanto no contexto da época, quanto agora esse custo é ínfimo em relação a transformação que pode causar em uma vida que tem um encontro com Cristo em um evento assim.
Com a motivação correta o Danilo seria uma grande ferramenta de crescimento para o evangelho, afinal é um cara inteligente, e eu sei que um dia ele vai ver quanto tempo ele desperdiçou fora da igreja e vai voltar ''na pegada''

Anônimo disse...

De fato Alexandre, o Danilo provou ser inteligente saindo da igreja (institutionalizada), que necessariamente em muios aspectos não parece ser a IGREJA de Cristo.

André Amaral disse...

Muito bom o "protesto dele"...rs Eu tenho coragem de fazer o mesmo :)

Di Bochio disse...

Ae Pava... agora tá explicado o porque eu deveria ser o proximo reporter do CQC :)

Blog Widget by LinkWithin