30.12.09

Cirurgias espirituais curam aids mas não cáries

Os cirurgiões espirituais são os melhores médicos do mundo. Curam não somente doenças complexas, mas até mesmo aquelas cujas soluções ainda não foram descobertas pela medicina tradicional. É o poder dos espíritos, a força da fé, a poderosa energia que emana do além. Algo que escapa da compreensão dos materialistas limitados.

Cânceres, leucemia, enxaquecas crônicas, toda variedade de malefícios psicológicos, AIDS... Há "registros" de cirurgias que eliminaram todas essas desgraças. Nem pensem em discutir ou trazer um ponto de vista cético. Há argumentos de sobra para 'refutar' o ceticismo dos mais incrédulos. Tudo deu certo e ponto final. Simples assim.

Hm. O problema é exatamente. O "simples assim". Porque eles curam AIDS e CÂNCER NO CÉREBRO, mas experimente fazer um TRATAMENTO DE CANAL mediante cirurgia espírita. Não, não fazem. Nem cárie. Tanto menos resolução de obesidade mórbida. Nada disso. Tumores na Medula, ok. Mas fechar um corte que precise de pontos? Não, isso é trabalho para um médico.

Em princípio, como apenas aventava o problema das cáries, pensei num boicote dos espíritos formados em Odontologia. Talvez houvesse uma rusga com os fantasmas Oncologistas e Infectologistas. Mas, não. Ou, em caso positivo, é uma briga das boas, pois Traumatologistas também estão na parada e, curiosamente, eles tomaram as dores dos dentistas - imaginem o tamanho da confusão na "turma do jaleco branco" que já foi desta para melhor.

Voltando ao mundo dos vivos, temos o seguinte: é possível curar AIDS, mas não uma cárie. Há solução para algo que nem mesmo toda a ciência do mundo viu saída, mas uma simples cárie não pode ser curada. Nem frieira. Sim, não há cura espiritual para as frieiras dos seus pés, embora seja possível curar LEUCEMIA ou CÂNCER NO CÉREBRO. Se quiser passar no exame médico do clube, é melhor enxugar direitinho após o banho.

Imaginem vocês, leitores com problemas de canal, chegarem a um centro de curas espirituais e não passarem pelas dores e todos os incômodos dos dentistas. Ou então os que pretendem perder peso diante da obesidade (que, sim, em muitos casos é uma doença). Pois bem: para a medicina espiritual, não há cura. Mas, para a tradicional, tudo isso é possível ser resolvido.

AIDS? Opa, aí sim. Os espíritos resolvem.

Aguardo os especialistas que sempre estão dispostos a explicar esse tipo de coisa. E parabéns a todos os envolvidos.

fonte: Gravatai merengue
dica da Priscila Vieira

sugiro uma visita ao templo da mundial, renascer, universal e igreja da graça p/ curar uma prosaica frieira.

3 comentários:

Escrivão Caminha disse...

Satanás cura apenas as doenças que ele provoca de forma direta. Essa é a técnica dos cirurgiões espiritualistas e curadores evangel-wiccos para curar corpos e adoecer as almas, desviamdo as pessoas do Médico dos Médicos.

Anônimo disse...

Que tal, um plantãozinho básico na fisioterapia de um hospital qualquer e fazer só um paciente tetraplégico. Quero ver um doente renal, que já perdeu os dois rins e está preso à hemodiálise, mijando.

Taí um milagre do cacete (com trocadilho, sim) pro Santiago, Hernandes e Macedo: façam um cara sem os rins sentir a alegria de mijar no palco de suas igrejas.

Anônimo disse...

Errata: Que tal, um plantãozinho básico na terapia de um hospital qualquer e CURAR um só paciente tetraplégico.

Blog Widget by LinkWithin