10.2.10

Adeus, igreja

Anne Hathaway deixou a igreja pelo irmão gay

Anne Hathaway deixou a igreja pelo irmão gay

A actriz Anne Hathaway revelou recentemente à revista GQ que tanto ela como o resto da sua família deixaram de ir à igreja católica quando o irmão de Anne assumiu a sua homossexualidade.

“Porque é que haveria de apoiar uma organização que tem uma visão limitada acerca do meu querido irmão?”, confessou a actriz britânica à publicação.

Depois de renunciar o catolicismo, Anne afirmou estar ainda à procura de uma religião com a qual se identifique. "Estou em formação. Sou um trabalho em progresso", disse.

fonte: Diário de Notícias (Portugal)
dica do Chicco Sal

19 comentários:

Meire disse...

Ela procura uma religião que tenha mais afinidades...
McDonalds: "Faça o seu pedido"

Ayres Filho disse...

"Depois de renunciar o catolicismo, Anne afirmou estar ainda à procura de uma religião com a qual se identifique".

Olha, com a afirmação acima fica patente o fato da religião ter se transformado em algo que serve apenas para corroborar com o estilo de vida particular e satisfazer o ego do homem.

Maranata, Senhor Jesus.

Marcus Vinicius disse...

Isso aí Ayres: pobrezinha da moça, perdida e perdendo-se em busaca de uma resposta que não terá.

João Batista Gregório Jr. disse...

Mateus 10:37 Quem ama o pai ou a mãe mais do que a mim não é digno de mim; e quem ama o filho ou a filha mais do que a mim não é digno de mim.

Efésios 4:18 Entenebrecidos no entendimento, separados da vida de Deus pela ignorância que há neles, pela dureza do seu coração;

2 Timóteo 3:8 E, como Janes e Jambres resistiram a Moisés, assim também estes resistem à verdade, sendo homens corruptos de entendimento e réprobos quanto à fé.

2 Timóteo 4:3 Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências;

Realmente, Jesus ela nunca vai encontrar como deseja!

Pastor Afonso disse...

Se Anne tivesse um irmãozinho pedófilo, acredito que ele poderia chegar até ser papa...tudo isso é demagogia católica.
.
Eles são contra os abortos, mas muitos conventos possuem cemitérios de crianças abortadas por freiras
.
São contra a camisinha, pois a Igreja 'mãe' não aceita " netos "
.
Recentemente, o Vaticano emitiu uma bula dizendo que até o padre pode ser homossexual, desde que não o manifeste.
.
Tô acreditando que essa Anne estava em qualquer outra igreja, menos na católica........

Anônimo disse...

Então o Pastor que defende a Teologia da Prosperidade e o Silas Malafaia agora aparece aqui prá atacar a Igreja Católica?

Ruim de Língua Portuguesa e de Teologia, agora mostra-se também ruim de História. Será que convém arrancar de nossa trajetória os Pais da Igreja? Que tal substituir os Padres do deserto pela turma do Marco Feliciano?

Se é prá avaliar uma Igreja relacionando alguns de seus podres, quem sabe o telhado da Igreja Evangélica também não seja de vidro?

Libera esse desabafo, Pava!!!!

Thiago disse...

Ela pode estar toda errada. Mas é linda. *o*

Não que isso mude muito a situação, claro.

Pastor Afonso disse...

Quem não sabe a diferença entre PROSPERIDADE BÍBLICA e Teologia da prosperidade, não merece resposta, ainda mais por se tratar de um anônimo, ou seja ninguém. Melhor: alguem que se esconde não tem nada a ensinar muito menos a aprender
.
Oooo seu anônimo, já sou casado, sou hetero, sai fora fio, larga do meu pé
.

Pr. Jesiel Freitas disse...

Paz...

As pessoas estão à procura de igrejas que se adaptem aos seus conceitos. Não querem adaptar-se ao "conceito de Deus". Isto mostra como Satanás tem feito sucesso na tarefa de transformar mentes, fazendo-as avaliar o certo como errado e vice-versa!

Precisamos investir com ousadia, coragem e resignação no terreno do inimigo, e demonstrar onde está depositado o verdadeiro poder, que evidentemente, é de Deus.

Verdades bíblicas são indiscutíveis, seja no catolicismo, no protestantismo, no espiritismo e em todos os outros "ismos". Em qualquer lugar, circunstância, espaço e tempo, verdades bíblicas serão imutáveis e absolutas...

Abraço fraterno.

No mais... Paz!

Pr. Jesiel Freitas

Diógenes SkauSURF disse...

Não a culpo. Com tantos cretinos a querer ditar a vida alheia... padres que não têm a menor noção de como é ser pai querendo aconselhar famílias (seria como pedir para o pugilista Maguila dicas de como programar em Delphi), ou cidadãos que se entitulam pastores (e fazem questãod e se apresentarem assim) querendo dr palpite na vida sexual de quem se põe sob a sua égide.

O que queriam? Que ela procurasse uma mesquita islâmica, numa religião que a cerceasse de direitos básicos como mulher?

Deixem de legalismos, caras-pálidas... essa coisa de copiar e colar versículos para justificar o preconceito e a falta de amor é simplesmente nojento e lamentável.

Ela em nenhum momento disse que ama mais o irmão do que a Cristo, e mesmo assim vem um desequilibrado lançar-lhe isso em rosto.

Se fosse seu irmão o homosexual... se fosse a sua mãe uma alcoólatra, se fosse o teu pai o espancador - e a igreja os "rejeitasse", o que você faria?

Desde quando é necessário estar dentro da igreja (repare o i minúsculo) para se amar a Deus?

E os esquimós... os índios... só para dar exemplos, estariam pois fadados ao fogo do inferno.

Cada vez mais acho que os dito "evangélicos" dos quais eu mesmo já engrossei as fileiras - se tornaram um bando de idiotas sem o menor bom senso e que transliteram a Bíblia com a graça e a leveza de um elefante numa loja de cristais.

Se vocês são cristãos, eu estou longe... longe de ser um imitador de Cristo.

Pronto, falei...

Ayres Filho disse...

É, tem gente que considera a Bíblia preconceituosa... usar citações em textos se tornou quase um crime.

A Palavra cada vez mais dá lugar às palavras.

André L. disse...

Gostei da atitude dela. É sinal de que ela ama mais o irmão do que a instituição. Quem dera se todos pensassem assim. No meio evangélico ocorre o contrário.. as pessoas preferem (por exemplo) manter um casamento de fachada ou fingir ser o que não é apenas pra satisfazer as vontades alheias ou preencher um pré-requisito. Enfim... é apenas minha opinião.

Diógenes SkauSURF disse...

Que pobreza de argumentos...

Uma coisa é achar a Bíblia preconceituosa, outra é alguém usar a Palavra de Deus de maneira preconceituosa.

Despejar versículos aleatórios, esquecendo-se do AMOR, o que seria?

Crer também é pensar Ayres... e escrever também.

Ayres Filho disse...

Argumentos, clichês, preconceitos, falta de amor. Os comentários desse blog estão cheios disso. Tanto dos liberais quanto dos fundamentalistas.

Crer é uma virtude. Pensar e escrever é uma arte. E quem ama não se ensoberbece.

Diógenes SkauSURF disse...

"Quem ama não se ensoberbece".

Só a afirmativa já incorre na soberba.

Você comenta nesse blog, ou se "inclue fora" dessa premissa?

Assunto encerrado para mim.

Maya disse...

Talvez um dia alguém consiga mostrar a ela e ao irmão o Jesus cheio de amor e misericórdia que andava no meio dos párias de sua sociedade. Alguém que os ame genuinamente e que ore por eles e com eles sempre. Que (citando um texto do Genizah) não esteja na OPOSIÇÃO, mas à DISPOSIÇÃO para servir de ponte, de sacerdote, sem apontar o dedo pra um ou pra outro. Alguém humilde o suficiente pra saber que quem está de pé pode cair a qualquer momento.

Maxwell disse...

Como disse (escreveu) Brennan Manning em "O Anseio Furioso de Deus": "sou pecador, salvo pela graça".
Eu também!

Não tenho escutado muitos sermões sobre "graça de Deus Pai"...

Alguns Pastores e muitas ovelhas estão precisando viver na/pela graça.

Penso que a própria Anne nunca a experimentou.

Disco Queen disse...

O povo se sente magoado quando alguém expoe a falha da religião e da instituição... Se as pessoas se aproximassem de seu irmão da mesma maneira que Jesus se aproximava, ela não teria visto acusação ao invés de amor...
Anne, sinto informá-la, mas na igreja evangélica está só um pouquinho diferente, porque além do que você já deve ter ouvido, ainda vão falar que seu irmão está possuído e que vocês não têm fé suficiente para curá-lo. Ah! E aos fariseus perfeitos, que citam a lei de cor e salteado mas não fazem questão de entendê-la, aqui vai mais um versículo: "“Mas, se alguém não cuida dos seus, e especialmente dos da sua família, tem negado a fé, e é pior que um incrédulo.” (I Tm 5:8)
Pava,te amooooooo! =)

João Magalhães disse...

"a Bíblia é como uma arma. Se ficar aí, em cima de uma mesa, nunca vai machucar ninguém. É uma questão de como você vai usá-la. E isso não se aplica apenas à Bíblia, mas também às palavras." (Denzel Washington - Veja artigo completo em http://umtempodereflexao.blogspot.com/2010/03/biblia-e-uma-arma.html)
Jesus certa vez se aproximou de uma mulher adultera, de conduta bastante questionável em sua época ao ponto de ser morta por isso e lhe ofereceu a "água da vida", onde nunca mais esta mulher teria sede. Claro que Jesus não amava as atitudes desta mulher mas amava a mulher ao ponto de lhe oferecer salvação completa. E este é o segredo, separar o pecado do pecador e buscar o pecador e não o pecado. Hoje em dia tem um monte de "gizuz" usando a palavra como arma e executando todo e qualquer que discorde de sua opinião.

Blog Widget by LinkWithin