6.2.10

Maravilhosa graça (6)



Enquanto Beyoncé se apresenta hoje em Sampa, fui buscar o meu lado favorito da cantora, enquanto ela ainda fazia parte do Destiny's Child. Nesta raridade de 1998, elas cantam a capela um trecho de Amazing grace. A palinha rolou durante uma entrevista à Dutch Radio Station 3FM.

2 comentários:

Robson Lelles disse...

O motivo que faz com que cantores de DEUS passem a cantar músicas puramente carnais já me é conhecido, mas ainda assim sofro quando me deparo com situações como essa.

Por cinco anos liderei um grupo de vinte adolescentes voltado para a música religiosa. Foi impressionante e na época surpreendente, inesperado mesmo, vê-los quase todos se desviando à medida que o grupo se tornava localmente famoso. Nem todos se desviaram, mas dentre os que se desviaram tivemos meninos que foram presos, mortos, meninas com gravidez precoce, músicos que descambaram para a "noite" em busca de sucesso, etc.

Ainda que nem todos tenham se desviado, ficou uma impressão profunda de fracasso pelas vidas perdidas.

Stol disse...

Podes crer.
Dá mó sensação estranha, quando vemos uma pessoa que louvava á Deus de maneira muito linda e expontânea, cantando músicas, embora algumas vezes bem produzidas, mas que não engrandecem nada á Deus e muitas vezes são fúteis, vazias.
Imagino o que o irmão Robson Lelles tenha passado.
Paz aí e que todos voltem para Cristo.

Blog Widget by LinkWithin