11.3.10

Papa(i) me empresta o carro

O papa chegou ao Brasil em missão não oficial e trouxe um motorista negão.

Ele tinha um compromisso e estava atrasado e o motorista não passava de 80 Km/h , e a toda hora o papa falava pro negão andar mais rápido e nada...

E ele continuava nos 80 km/h. Aí o papa disse:

- Deixe que eu mesmo irei dirigindo.

O negão ficou no banco de trás e o próprio papa foi levando o carro a 140 km/h.

Lá na frente, um policial rodoviário mandou o papa parar e, quando viu quem era, resolveu passar um rádio pro chefe dizendo:

- Chefe, peguei um cara importante voando na Dutra, o que eu faço?

- Quem é? Um deputado? - perguntou o chefe.

- Não chefe, é mais importante.

- É um senador?

- Não chefe, é mais importante ainda...

- Então, é um governador de estado!

- Que nada chefe, é mais importante ainda...

- Então só pode ser o próprio presidente!

- É mais importante que o próprio presidente, chefe...

- Puxa, nesse caso então só pode ser o papa.

- Que nada chefe. O papa é apenas o motorista dele. É São Benedito!

2 comentários:

Lion of Zion disse...

Muito bem sacada essa.

Di Bochio disse...

BOA!! Muito boa!!!

Blog Widget by LinkWithin