7.3.10

[Reescrevendo a Bíblia] O Senhor me ungiu

Reescrevendo Isaías 61:

O ESPÍRITO do Senhor DEUS está sobre mim;

porque o SENHOR me ungiu,
para pregar boas novas aos religiosos em busca de salvação por merecimento;
enviou-me a restaurar os de coração soberbo com seus títulos eclesiasticos,
a proclamar liberdade aos que vivem presos em doutrinas nada cristãs,
e a abertura de prisão aos que vivem uma vida longe de Deus e perto das atividades da igreja;

A apregoar o ano aceitável do SENHOR e o dia da vingança do nosso Deus;
a consolar todos os que não aguentam mais essa vida medíocre e de falsa liberdade que muitas vezes é pregada;

A ordenar acerca dos tristes de Sião que se lhes dê esperança em mudar um mundo ao invés de tristeza porque o mundo está assim, óleo de ação e compaixão ao invés de inércia, vestes de louvor em vez de medo do diabo; a fim de que se chamem árvores de justiça, plantações do SENHOR, para que ele seja glorificado.

Laila Flower, no Midnight Flower.

7 comentários:

CHICCO SAL disse...

Parabéns! Me fez lembrar do verdadeiro significado de Atos 2, que não foi o de glossolália mas o de diglossia, isto é, a línguagem falada pelos sacerdotes era tão casta, considerada tão pura, falada de uma certa maneira, somente por sacerdotes que desconsideravam se os seus ouvintes a compreenderiam ou não...

O derramamento do Espírito Santo não apenas abriu o entendimento dos primeiros discípulos e apóstolos, mas também os levou a anunciar o Messias na linguagem do povo, anunciar o Messias no dialeto de cada grupo representado em Jerusalém naquela ocasião, anunciar o Messias de forma que todos entendessem. E o resultado foi o início/estabelecimento da Igreja...

Quanto precisamos reaprender isso e voltar a falar a linguagem do povo, ir no popular, além de extirpar as pseudo-mensagens dos atuais pseudo-profetas e falsos apóstolos!

Anônimo disse...

Olá!! Esse tipo de texto me faz lembrar da oferta da viúva pobre que sua simplicidade e humildade apresentou sua oferta e esta foi recebida de verdade porque não era valor e sim coração. O texto reescevendo a Bíblia é típico de crente mal resolvido em sua Igreja e decepcionado com a liderança e servos desse reino, pelo mal testemunhos dados nos púlpitos e diante dos meios de comunicação. Porém mudar o que está escrito não é o caminho para mudar os homens, o que muda os homens é uma vida cheia do Espírito, não a sabedoria humana, força humana e a raiva ou revolta. Sabe irmã fica na sua. Vai ser boa mãe de filhos (se já for ou tenha sido melhor ainda!!!!), lava os pés dos profetas (leia as cartas de Paulo), seja um exemplo você e assim salvará a si mesma e a muitos que virem seu testemunho, ah! medita na Bíblia também e não a mude por favor! Um abraço. Eduardo - Cruz Alta - RS.

Abimael Alves. disse...

Penso que as Sagradas escrituras não precisam ser reescrita e sim REAPLICADA CONTINUAMENTE e sem tirar ou acrescentar pingentes.
Se entrarmos nessa de reescrever estaremos moldando as pessoas as Escrituras e não as Escrituras as
pessoas. Paudlo disse; Não vos moldeis a esse mundo...
Mas em todo caso o texto não deixa de nos fazer refletir.
Abraços e fica com Deus.

Wanderlan disse...

Ao Anônimo que disse: "...o que muda os homens é uma vida cheia do Espírito, não a sabedoria humana, força humana e a raiva ou revolta..." (8:36 AM).
A sabedoria, a força e a revolta (ou indignação com tanta injustiça e mediocridade), são do homem, mas será que o homem tem algo que não tenha recebido do Senhor? O que vc acha que o Espírito usa pra nos transformar, pó de pirlipimpim?
E a todos quanto não sabem criticar mas rechaçar sem reflexão, vcs provam que NÃO sabem aplicar um texto bíblico ao contexto atual... Na verdade, isso se chama estupidez e ignorância.

Anônimo disse...

" Vai ser boa mãe de filhos (se já for ou tenha sido melhor ainda!!!!), lava os pés dos profetas (leia as cartas de Paulo), seja um exemplo você e assim salvará a si mesma e a muitos que virem seu testemunho, ah! medita na Bíblia também e não a mude por favor!"

Texto fora de contexto também é mudar a Palavra... quer dizer que a mulher que não for mãe tá condenada ao inferno? Salvação por obras?

Deus usa quem quer e como quer: mulher, homem, jumento.

A expressão "lavar os pés do profeta" como foi usado pareceu mais uma tentativa de rebaixar a mulher em questão. Horrível usar a pretensa humildade para disfarçar acusação orgulhosa.

Mas realmente que ela lave os pés e continue com textos reflexivos! Afinal, Jesus lavou os pés dos discípulos e chamou de raça de víboras os fariseus!

CHICCO SAL disse...

Xiiiiii... vamos ter que atear fogo em praça pública nas modernas traduções da b;iblia como a Nova Tradução na Linguagem de Hoje e também a Nova Versão Internacional (NVI).

Sugiro que comecemos a queimar todos os exemplares que estes críticos acima tiverem em suas igrejas, nas escadarias de suas próprias igrejas, para começar e servir de exemplo.

Ah, por favor não esqueçam de mandar as fotos pra gente ver, ok?

Fernando Moreira disse...

Não sei Quem o Senhor Ungiu nesta estória ai, pois Jesus foi ungido para pregar aos pobres, quebrantados de coração, liberdade aos oprimidos e restauração aos cegos, aos religiosos ele chamava de raça de víboras e sepulcros caiados.

Blog Widget by LinkWithin