20.2.08

Transferência de espíritos

Sarah Sheeva, a primogênita do casal Baby Consuelo e Pepeu Gomes, era uma jovem que não conseguia ficar três dias sem ter uma relação sexual. Sarah - à época com 25 anos de idade - era ninfomaníaca. Mas isso faz 10 anos.

Na época, ao lado das irmãs Nana Shara e Zabelê, ela integrava a banda SNZ. Durante um dos ensaios do grupo, um músico começou a ter um surto que, segundo ela, era a possessão de um espírito maligno. Nervosa com a cena do colega, que se debatia e proferia palavras agressivas, Sarah Sheeva se trancou no quarto e começou a rezar. Nessa hora, ela garante que sua vida mudou.

CONVERSÃO

“Aconteceu uma coisa muito louca, sobrenatural. Comecei a rezar, a falar com Deus. Na minha ignorância, dentro do meu quarto, de repente, senti uma presença forte, que era Deus. Cai no chão, me prostei e ali me converti”, lembra ela.

Desde então, ela passou a freqüentar uma igreja evangélica em Copacabana, no Rio. Estudou as escrituras, leu e releu a Bíblia, e se converteu em missionária. Como num passe de mágica, o prazer pelo sexo diário, a procura por um homem novo a cada dia, ficou para trás.

“Quis mudar a minha vida sexual, que era promíscua. Eu não parava com homem. Minha vida era vazia e eu procurava o sexo masculino para preencher esse vazio. Comecei a orar, ler as escrituras e minha vida tomou outro rumo”, afirma.

BABY DEIXOU DE FALAR COM A FILHA

Na época, Baby Consuelo não aceitou a decisão de Sarah e ficou dois anos sem falar com a filha. Mais tarde, porém, a cantora de sucessos como "Menino do Rio", hoje com 55 anos, virou pastora da igreja que ela mesma criou, a "Ministério do Espírito Santo de Deus em Nome de Jesus".

Sarah acha que, ao contrário do que a maioria pensa, a sua vida agora é mais interessante e radical do que na época que vivia à base de sexo livre. “Para mim, doido não é quem fuma maconha ou cheira cocaína. Doido é quem faz o que eu fiz, que vira crente”, defende.

Sarah mora no Rio com a filha de 16 anos, Ranaah Sheeva, que também é música. A filha de Pepeu Gomes vive de dar palestras como missionária pelo país afora e da venda de seus CDs de música Gospel.

Paralelamente a essas atividades, escreveu um livro, “Defraudação Emocional”, que dá dicas de como evitar um casamento encalhado- aquele que, segundo ela, faz a pessoa ficar anos de sua vida com a pessoa errada-, e prepara mais dois. Um vai falar sobre como educar os filhos e o outro vai explicar, segundo sua crença, o que acontece durante uma relação sexual.

“Ocorre uma transferência de espíritos durante a relação. É importante escolher o parceiro ideal. Depois de fazer sexo não é como tomar banho, pronto, está novo. O sexo tem o poder de unir e transferir tudo que está numa pessoa para outra”, garante.

Sem sentir falta de sexo ou de um parceiro, ela garante que encontrou a paz que precisava: “Vivo só com minha filha e sou superfeliz”.

Clique aqui p/ ouvir o podcast com a entrevista de Sarah Sheeva.

fonte: Ego [via Notícias cristãs]

Transferência de espíritos em todas as relações sexuais. Isso ajuda a explicar porque o mundo tá essa zona. Literalmente.

Como dizem alguns amigos, o caminho + curto e rápido p/ a abstinência sexual é o casamento. =]

6 comentários:

Leone disse...

"Sarah mora no Rio com a filha de 16 anos, Ranaah Sheeva, que também é música." - Alguém avisa pra quem escreveu o "brilhante" texto, que o feminino de "músico" é "musicista"... :-)

Sapao disse...

Show de bola o testemunho dela!

Porém atento para a seguinte frase: “Ocorre uma transferência de espíritos durante a relação. É importante escolher o parceiro ideal. Depois de fazer sexo não é como tomar banho, pronto, está novo. O sexo tem o poder de unir e transferir tudo que está numa pessoa para outra”, garante.

Não vejo base bíblica pra isso (sexo como transferência de espiritos) e acho esse pensamento bastante perigoso, pois se confunde com outras doutrinas

No sexo, 2 tornam-se 1, mas nao há "passagem espiritual" de uma pessoa a outra. Pode haver um compartilhamento de sensações, experiencias, mas transferencias de espirito vai contra aquilo que interpreto em Ez 18,20

Anônimo disse...

Há transferência sim, pois vai de encontro com a Bíblia em PedroI:

(I Pedro 3:1) - SEMELHANTEMENTE, vós, mulheres, sede sujeitas aos vossos próprios maridos; para que também, se alguns não obedecem à palavra, pelo porte de suas mulheres sejam ganhos sem palavra;

(I Pedro 3:7) - Igualmente vós, maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco; como sendo vós os seus co-herdeiros da graça da vida; para que não sejam impedidas as vossas orações.

Leiam a bíblia com mais entendimento, pois o marido que não trata bem sua esposa e a esposa que não trata bem o seu marido não alcançam as bençãos de Deus da maneira que deviam alcançá-la, quando um dá prazer ao outro, interfere sim no mundo espiritual, pois mostra que são dois corpos e dois espíritos unificados, e tudo que se unifica fica mais forte.

O sexo foi criado por Deus, o sexo que é praticado dentro do casamento é santificado, ao contrário do que é praticado no mundo, que é abominado por Deus.

O sexo dentro do casamento interfere no mundo espiritual sim, pois mostra que ha amor entre o casal, e havendo amor verdadeiro todas as suas orações são atendidas, pode parecer estranho, mas nesse versículo de Pedro, ele diz que o sexo entre o casal traz comunhão com Deus, e suas orações são atendidas dentro desta relação de amor de um para com outro.
Isso é lindo!!!!

Sapao disse...

Sinceramente, nos trechos que voce citou, nao fica explicito em nenhum momento que há transferencia de espiritos.
Nos trechos que voce citou, fala claramente que as orações do casal podem nao ser respondidas se eles estão em litigo, conflito ou mesmo mal com Deus. Isso é fato e verdade! Concordo! O sexo dentro do casamento de forma alguma interfere no mundo espirtual, mas o sexo é uma consequencia de como o casal está entre si e com Deus, isso sim!
As 2 carnes se tornam 1 atraves do sexo dentro do casamento, concordo tambem! Dai o sexo unir os espiritos, nao concordo de forma alguma.
Nós, cristãos, nao temos que inventar regras que a Biblia nao diz

Anônimo disse...

o feminino pode ser "musica" tmb!
e vamo lá: campanha para sexo no casamento. as pessoas sofrem por nao casarem e depois ficam com frescura, come on! amem-se integralmente.
falando de homens e mulheres, ai vai uma dica de enquete pro blog:
mulher pastora - vc aceita?

Anônimo disse...

ONTEM NO SUPER POP(24/04/08)NÃO FOI SÓ UM TESTEMUNHO, FOI UMA LIÇÃO DE MORAL,UM ENSINAMENTO, GLÓRIA A DEUS POR SUA VIDA, CREIO QUE MUITAS VIDAS FORAM IMPACTADAS PELO SEU TESTEMUNHO, POIS VOCÊ DISSE AQUILO QUE A SOCIEDADE PRECISA OUVIR, DE UM MODO SIMPLES E CORRETO, ELES QUERENDO OU NÃO E Á MAIS PURA VERDADE..........DEUS TE ABENÇOE........

Blog Widget by LinkWithin