16.12.09

Eu sou crente, só bebo refrigerante



O Departamento de Saúde de Nova Iorque lançou campanha contra a ingestão de refrigerantes em virtude dos malefícios causados pelos mesmos.

"Bebidas de maior consumo no mundo, depois da água, refrigerantes aumentam o risco de doenças como obesidade, diabetes, gastrite e câncer de esôfago."

Por causa das diversas substâncias químicas que entram em sua composição, os refrigerantes são prejudiciais à saúde se bebidos com freqüência. É o que diz Marilane Dionísio, coordenadora de nutrição do Hospital Barra D’Or, no Rio de Janeiro. “Na composição dos refrigerantes, estão conservantes, acidulantes, antioxidantes, corantes, estabilizantes, umectantes, aromatizantes, entre outras substâncias não saudáveis se ingeridas com excesso”, explica.

Os refrigerantes ganham cada vez mais adeptos em todo o mundo, principalmente entre crianças e adolescentes, em que os níveis de obesidade deram um salto nos últimos tempos. Em média, cada brasileiro ingere 35 litros da bebida ao ano. Nos EUA, o consumo cresceu mais de 450% nos últimos 50 anos.

Pesquisas recentes revelam que o refrigerante não dietético aumenta em 80% o risco de diabetes. De acordo com estes estudos, o risco de desenvolver a doença chega a quase dobrar nas pessoas que consomem este tipo de bebida pelo menos uma vez por dia. Os refrigerantes também aumentam os riscos de câncer no esôfago. “Eles incham o estômago e causam refluxo gástrico, o que está associado com o câncer de esôfago”, explica a Drª Marilane.

Os malefícios do consumo exagerado de refrigerantes não param por aí. A bebida agrava quadros de gastrite e flatulência (gases), além de aumentar os níveis de colesterol. É responsável também por uma maior incidência de cáries – dependendo da sensibilidade e predisposição de cada indivíduo – e erosão dental, processo caracterizado pela perda do tecido duro da superfície dos dentes.

Outra preocupação dos especialistas é que o consumo excessivo de refrigerantes tem deixado em segundo plano bebidas saudáveis como a água, sucos naturais, água de coco e leite. “Beber refrigerantes com freqüência só faz aumentar o consumo de calorias inúteis, que não acrescentam nenhum nutriente ao organismo. São as chamadas calorias vazias. Em média, um litro de refrigerante tem cerca de 400 calorias, que poderiam ser obtidas por meio de alimentos bem mais saudáveis”, diz a nutricionista." Extraído DAQUI.

[Veja apresentação preparada pela PETROBRAS para alertar seus funcionários AQUI]


Pois é, poder beber vinho não pode, beber cerveja não pode. Mas, tomar refri pode! Aliás, o que qualquer um encontra em casa de crente é bíblia e refrigerante. E em festinha de igreja então?

28 comentários:

Robson Lelles disse...

A solução é o bom e velho suquinho de frutas, sem gás para não dar refluxo.

Gabriel Nagib disse...

Interessante é que o consumo de vinho ou cerveja com moderação faz até bem à saúde. Com refrigerante não existe isso. Sempre faz mal.

Pavarini disse...

muitíssimo bem lembrado, gabriel! :P

final de ano sempre cuido bem da saúde... rsrs

abraço

João Carlos disse...

Glória a Deus que o primeiro milagre de Jesus não foi a multiplicação de água em tubaína mas... vai enfiar isso na cabeça dos fariseus!

Vão para as festinhas das igrejas, se entopem de salgadinhos, cachorros-quentes, pão com carne louca e Dolly e acham que glutonaria não é pecado...

Willian Sertório disse...

Hilário!

O açucar é um dos vilões mais perniciosos dos nossos tempos. Acho estranho o vício por ele não ser condenado, vide que as ~igrejas~ estão cheias de gente acima do peso.

Recomendo a leitura de "O Livro Negro do Açúcar - Verdades Sobre a Indústria da Doença". Dá pra achar o pdf dele na internet, o próprio autor distribuiu. :)

abraços!

Moisés Lourenço Gomes disse...

Em caso de gastrite, cerveja é o que menos faz mal. Já refrigerante...

Anônimo disse...

chama as pessoas que buscam ter a vida firmada em Deus de fariseu virou moda

que gosta de libertinagem é o capeta
que entornar o alcoool na boca fuma maconha d euma vez


mas depois se pro inferno

não diga que aqueles a quem você chamava de fariseu e não eram

não diga que eles não te avisaram

Thiago Paiva disse...

AEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE TERRORISMO GOSPEL!!!! URRUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUL!

Por Ele. disse...

Anônimo só FA RI SEU, seu, seu, seu... Palhaço!

kkkkkkkkkk

Essa é a máscara, 'vinho não pode', mas privação da Graça é de graça! Condena tudo que sai dos moldes para o inferno. Blá!

Moisés Lourenço Gomes disse...

Se a salvação depende da quantidade de álcool no sangue, Jesus estaria em maus lençois:


"Porquanto veio João Batista, não comendo nem bebendo vinho, e dizem: 'Tem demônio'. Veio o Filho do homem, comendo e bebendo vinho, e dizem: 'Eis aí um homem comilão e beberrão, amigo dos publicanos e pecadores'. Mas a sabedoria é justificada por seus filhos."

Eliézer disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
João Carlos disse...

Irmão anônimo*, graça e paz.

Primeiramente gostaria de te pedir perdão, caso o uso do termo "fariseu" te ofendeu. Esta não foi minha intenção, até porque quem frequenta a blogosfera, principalmente blogs como do nosso amigo Pavarini, nem pode pensar em fazer isso. Seria mais ou menos um crente ter televisão né?

Voltando ao assunto: Vamos à Palavra. Mateus 11:16-19 diz: “Mas, a quem compararei esta geração? É semelhante aos meninos que, sentados nas praças, clamam aos seus companheiros: Tocamo-vos flauta, e não dançastes; cantamos lamentações, e não pranteastes. Porquanto VEIO JOÃO, NÃO COMENDO NEM BEBENDO, E DIZEM: TEM DEMÔNIO, VEIO O FILHO DO HOMEM, COMENDO E BEBENDO, E DIZEM: EIS AÍ UM COMILÃO E BEBEDOR DE VINHO, AMIGO DE PUBLICANOS E PECADORES. Entretanto a sabedoria é justificada pelas suas obras”.

João Batista não bebia nem comia e tinha demônio. Jesus Cristo comia e bebia e era chamado de COMILÃO E BEBEDOR DE VINHO.

Quanto À brincadeira que fiz: Qual foi o primeiro milagre de Jesus? Transformar água em tubaína, suco de uva ou vinho? O seu Senhor por acaso está no inferno por beber vinho?

Que fique bem claro: Eu não estou fazendo apologia à bebida. EU BEBO VINHO E CERVEJA, mas não me embriago. Não passo do limite COM NADA.

Por falar nisso: Você come carne ou é vegetariano? Sabia que muita gente pode ir pro inferno por você comer carne?

Até quando vão debater este assunto sem o dicernimento do Espírito Santo para isso?

Basta ver o que diz Romanos 14 e PRONTO!

Caso tenha me exaltado peço perdão, tive dificuldade em entender muita coisa do que você escreveu e o assunto envolve vida eterna, céu ou inferno, não pode ser feito de qualquer maneira.

*Tenho blog, lá você pode me esculhambar à vontade, caso ainda queira debater o assunto. Pode até se identificar, eu não mordo não. É feio bater no escuro e sair correndo... Fizeram isso com Jesus em Mateus 26:68, lembra?

Fique na paz.

João Carlos

Eliézer disse...

Atras de um "anônimo" normalmente mora alguém que não tem coragem de assumir publicamente suas posturas pois, se confrontado, não saberá defendê-las e procura a segurança da não-identificação para se sentir confortável o bastante para vomitar "verdades" e satanizar seus desafetos imaginários...

Meire disse...

só bebo refrigerante,mas não encho a paciência de ninguém que quer tomar cerveja, vinho ou destilados.
Nunca fui chegada a bebidas alcoólicas, mas parece que também isso é pecado...

Somos todos um bando de pecadores, e basta o diabo pra acusar. Se no céu tivesse porteiro e o dito fosse cristão, ele ia ficar vazio...
Se não tomou cerveja: vai pro inferno fariseu;
se tomou cerveja: vai pro inferno pecador.

CHICCO SAL disse...

Deuteronômio 14.26

'e ali comprem tudo o que quiserem comer: carne de vaca ou de carneiro, vinho, cerveja ou qualquer outra coisa que desejarem. E ali, na presença do SENHOR, nosso Deus, vocês e as suas famílias comam essas coisas e se divirtam à vontade.'

NTLH / Sociedade Bíblica do Brasil

Jefferson "Jazzy" disse...

e o anonimo ainda se diz protestante, que coisa, hein?

fique sabendo que o Martin Luther (não o king, mas o Alemão pai da reforma protestante)pois é ele mesmo, ele gostava da sua cerva ou como diriam os monjes à epóca dele "O Pão Líquido".

"Eu bebo sim, estou vivendo
tem gente que não bebe
está morrendo"

abraços

Meire disse...

No raso, no raso, somos todos um bando que bebe refrigerantes, cervejas, vinhos e afins, e se esquece dos Lázaros que morrem de fome em nosso portão.

Imaginem a quantidade de sobras de almoço de natal que irá parar no lixo, e nessas sobras estarão refrigerantes e cervejas, carne vermelha e de soja...

Pavarini disse...

esse pecado ñ será acrescentado ao meu extenso rol, meire.

enxugo sempre até a última gota... rsrs

ñ resisti! :P

abraço

João Carlos disse...

Well, sob pressão eu acabo escrevendo... e escrevi minha versão da história: "O filho de dona Maria e o churraso na laje". Agora é que vão me escomungar de vez...

http://superjotablog.blogspot.com/2009/12/o-filho-da-dona-maria-e-o-churrasco-na.html

Moisés Lourenço Gomes disse...

Como o Cristianismo seqüelou os seus fiéis.

Tenho vergonha de falar que vinho e cerveja, são tabús cristãos.

Tem gente que acha que é o 'escolhido de Deus' porque não contamina o corpo com cerveja, mesmo que este se entupa de churrasco grego feito de chinelo havaina velho.

Pobres 'escolhidos'...

By the way...

"Muitos são chamados e pouco escolhidos"

Quem haverá de cantar: "Eu tenho um chamado"? :-)

Márcio Rocha disse...

cadê o pr afonso que naum deu as caras?...ele se amarra nesse assunto da "pinga"*rs

Gustavo K-fé disse...

Diz que lá no inferno certa altura houve uma revolta. É que tinha gente que havia sido mandada pra lá por coisas que depois deixaram de ser pecado.

Isaac Marinho disse...

Eu não defendo refrigerantes, não devo comsumí-los. Sofro de gastrite e sou proibido de tomar qualquer refri que seja, mas às vezes ainda dou minhas escapulidas... =(


Se Paulo fosse vivo...

Acredito que ele diria algo como: "O que bebe não despreze o que não bebe; e o que não bebe, não julgue o que bebe; porque Deus o recebeu por seu."
...

"Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo."


Aos irmãos que bebem, que o façam com moderação, não se deixando dominar pela bebedice. Aos que não bebem, estejam prontos a entender sinceramente que o vinho que a bíblia apresenta era vinho mesmo, e não simples suco de uva.

Portanto, quer bebais, quer vos abstenhais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus. =)

Paulo classifica os irmãos como fracos e fortes. Neste contexto, fortes seriam os que bebem, mas têm boa consciência para com Deus, e não se privam da liberdade nem se dão à libertinagem. Fracos seriam os que se escandilazam com tudo e julgam que pela simples abstinência de certas coisas estão sendo santificados.

Se eu não consumo bebidas alcoólicas, não é porque isto seja pecado, mas porque sigo alguns conselhos de Paulo:

"Mas, se por causa da comida se contrista teu irmão, já não andas conforme o amor. Não destruas por causa da tua comida aquele por quem Cristo morreu.

Sigamos, pois, as coisas que servem para a paz e para a edificação de uns para com os outros.

Bom é não comer carne, nem beber vinho, nem fazer outras coisas em que teu irmão tropece, ou se escandalize, ou se enfraqueça."
(Romanos 14.15,19,21)

"Ninguém busque o proveito próprio; antes cada um o que é de outrem.

Portai-vos de modo que não deis escândalo nem aos judeus, nem aos gregos, nem à igreja de Deus.

Como também eu em tudo agrado a todos, não buscando o meu próprio proveito, mas o de muitos, para que assim se possam salvar."
(1 Coríntios 10.24,32-33)

Paulo não foi muito calvinista no verso 33, mas é importante ter esta consciência também. Devemos manter a paz, quando isto depender de nós, ainda que custe nossa própria liberdade.

Finalmente, olhem pelos fracos, e não zombem da sua fraqueza, mas busquem ajudá-los, para que alcancem a maturidade na fé. Se for necessário, privem-se da sua liberdade, que vocês não perderão nada com isso. ;)

Aos irmãos "anti-mé", aprendam a aceitar as escrituras como elas são. Ninguém precisa transformar o vinho, no qual a água foi miraculosamente transformada, em suco de uva. Este milagre é dispensável. Não julguem a liberdade alheia; mas se alguém tem um comportamento que incomoda a tua consciência, ore a Deus pela vida deste teu irmão. =)

O que condena os que bebem é tão fariseu quanto o que zomba dos que, na sua imaturidade, não bebem por julgar ser pecado.

Um abraço.

P.S.: Eu não bebo desde os 13 ou 14 anos de idade; mas, em compensação, comecei a beber aos 8.

Anônimo disse...

"Bebo-o porque é líquido, se fosse sólido comê-lo-ia"

Jânio Quadros

Anônimo disse...

Eu não bebo mais; tomo a mesma quantidade sempre.

Anônimo disse...

Eu também parei de beber; agora como com farinha.

Anônimo disse...

Beber nunca foi pecado... o que é pecado é o exagero... tudo exageradamente não faz bem a ninguém...nem cerveja, nem refrigerante...
e só mais uma coisa...
e o que esse texto tem haver com os crentes...até parece q é so crente que bebe refrigerantes...
Não sou crente e bebo muito refrigerante e tenho amigos crentes q não bebem...nada haver esses comentarios...

Moisés Lourenço Gomes disse...

Diz que lá no céu teve um grande tumulto. Abriram uma concessão para a 'salvação dos bebuns'. Tem crente puto da vida.

Blog Widget by LinkWithin