20.4.10

Obama cancels National Day of Prayer, declared Unconstitutional



Obama cancelled 2010 White House National Day of Prayer ceremony. The National Day of Prayer has historically been the first Thursday in May, since Harry S. Truman put it into effect in 1952, but wasn’t official until the days of Ronald Reagan.

For eight years, the White House held a celebration on the National Day of Prayer, and last year Obama cancelled the celebration, and the ceremony has been cancelled for 2010. In 2009, CNN reported that Obama was toning down the National Day of Prayer by cancelling the White House ceremony, but that the official day was not cancelled.

The National Day of Prayer was created to remind people to pray for family, friends, the country, etc. It wasn’t created for a specific religion, but for anyone who wanted to participate.

In the past, many Presidents worried that making the National Day of Prayer official may cross the line at keeping church and state separate. While cancelling the National Day of Prayer ceremony has some people upset, and others have no opinion.

Kevin Coburn, from Salt Lake City said, “People shouldn’t care about the National Day of Prayer being cancelled. If people want to pray, they should, but they don’t need a special day set aside for it.”

fontes: Tangle / Examiner
dica do Rony Gabriel

Escolha uma alternativa:

a) o cancelamento mostra o poder crescente dos ateístas;
b) tanto faz. com ou sem "Dia nacional da oração", os EUA continuam a Guerra do Iraque;
c) não me surpreendi. tinha certeza de que Obama ñ era cristão;
d) quem mais sentirá falta são os pastores que iam até lá p/ tirar foto c/ o presidente;
e) n.d.a.

7 comentários:

PriAliança disse...

Opção secreta e): b) e d)

Eliézer disse...

Com certeza a "d". O estado deve ser laico para atender igualitariamente a todos, independente de seu credo religioso.

Wellington Albertini disse...

Eu chuto na "D". :P

Claudia disse...

Com certeza a "d". O estado deve ser laico para atender igualitariamente a todos, independente de seu credo religioso.[2]


Deus me livre dos talibãs...

CHICCO SAL disse...

O Estado nada mais é que um pedaço de papel (Constituição) que, de vez em quando, alguém 'encarna'desta ou daquela maneira.

Não existe Estado laico, exceto em tese. Cada pessoa leva consigo suas crenças e valores e as tenta colocar em prática ao assumir um posto de governo.

A questão me parece outra: o principal governante de um país pode e/ou deve convocar um Dia Nacional de Oração?

Depende. Depende se este dia nacional será mesmo nacional, incluindo-se todos os credos, ou se será apenas mais uma manifestação voltada para atender esse ou aquele grupo, segmento.

A Religião Civil (como proposta por Jean-Jacques Rousseau) com suas nuances e sutilezas visa funcionar como uma cola social em horas de incerteza. Um Dia Nacional de Oração obedece à mesma linha de raciocínio.

A hora faz a oportunidade. Neste momento em que o conflito entre as idéias ocidentais e as do mundo islâmico continuam latentes, a tentativa do Pres.Obama pode ser simplesmente a de apaziguar os ânimos.

Falta agora mandar trocar os fuzís do Exército Americano...

Joseph Smith disse...

Impressionante como as pessoas confundem Estado Laico com Estado Ateu!

Agora que o Obama é uma Banana, isto não resta dúvida!

I Hate United States!

Candy Medina disse...

b) e c)

Blog Widget by LinkWithin